Racco investe pesado no Multinível

Desde o lançamento do Canal de Vendas Diretas Multinível RACCO VIP, em Março deste ano, a empresa têm investindo muito tempo e dinheiro afim de preparar este canal para a expansão global, começando por países onde à RACCO já está presente.

A empresa que acabou de completar 31 anos, conta com 700 pontos de distribuição no Brasil, Bolívia, Paraguai, México e os EUA. Suas unidades próprias sediadas em Curitiba, fazem da RACCO uma das maiores estruturas do segmento, com tecnologia de ponta, tanto no centro logístico com 110 mil m², onde utilizam um moderno sistema europeu de transelevadores, avaliados em 3 milhões de Euros, como em sua fábrica, que ocupa uma área de 30 mil m².

Em seu portfólio estão mais de 400 itens divididos, em várias linhas de produtos para Beleza, Saúde e Bem-Estar. Alguns destes produtos são referências, como os sabonetes da linha Intimos, os programas para tratamentos de pele e rejuvenescimento Ciclos, o suco de Aloe Vera à base de Babosa e agora conta com um dos melhores colágenos do mundo, com matéria prima importada da França com exclusividade, aliás, um grande diferencial da RACCO são as matérias primas importadas, como os pós de Caviar, Ouro e Diamante.
A empresa tem metas agressivas para os próximos 5 anos e para isso estão investindo pesado em várias frentes.

No corporativo, estão ampliando as equipes de tecnologia, controladoria, atendimento e expansão nacional e internacional, buscando assim, atender à sua rede com mais rapidez, inovação e lucratividade.

Em Julho, contrataram a consultoria de Claudio Campos, conhecido por atuar ao lado de grandes nomes do mercado de vendas diretas Multinível como consultor de empresas e Diretor de Expansão, Comercial e Multinível. A sua consultoria conta com uma equipe multidisciplinar, todos com experiência em Vendas Diretas Multinível e está apoiando nas melhorias das rotinas internas, atualizando os manuais, reforçando o comitê de ética e aperfeiçoando o gerenciamento de redes.

Mas, a principal contribuição acontece ao lado do Gestor de Rede Luiz Rigueto Neto, deixando o negócio ainda mais atrativo para seus consultores e também aqueles que buscam participar desse mercado bilionário pela primeira vez: “Na nossa opinião a RACCO é a uma das poucas empresas, capaz de agradar aos profissionais de multinível e também aos empreendedores que nunca ouviram falar desse mercado e assim, levar nossos consultores à navegar no Oceano Azul, deixando de pescar no aquário dos outros”, afirmaram Campos e Rigueto à Sucesso Network.

O projeto de desenvolvimento do novo sistema de gestão multinível e escritório virtual para os consultores está ficando espetacular.

Com a previsão de liberar a primeira fase em Dezembro deste ano, o RACCO System 2.0, será muito mais do que um EV, oferecendo ferramentas avançadas de Business Inteligence e gestão de equipe.

Esta é uma das plataformas de tecnologia mais robustas que existem no mercado, inclusive com funcionamento em vários idiomas e multi-moedas, presente em grandes empresas do segmento de vendas diretas mononível, com movimentação de 10 Bilhões de reais por ano, em sua plataforma.

Com certeza, podemos esperar as melhores notícias da RACCO, no Brasil e em breve no mundo!

Todos na RACCO estão nos preparativos finais para o Congresso RACCO Academy, que acontecerá entre os dias 11 e 13 de Outubro e terá como convidado especial Eric Worre, autor Best-Seller e considerado um dos maiores especialistas do multinivel mundial.

Será a primeira vez no Brasil e a segunda no mundo, que ele aceita treinar com exclusividade a equipe de uma empresa.

Estaremos lá cobrindo o evento e logo traremos mais informações.

Deixe sua opinião

Veja Também

Enquanto estuda o mercado brasileiro, Nu Skin investe em campanhas sociais A americana Nu Skin, comunicou que atingiu o marco de 550 milhões de refeições compradas e doadas através da iniciativa Nourish the Children, dos EUA....
Levantamento revela a fortuna acumulada dos bilionários do MMN Imagine se os americanos Dexter e Birdie Yager, não tivessem tido a visão de entrarem para Amway, quando ninguém no planeta sabia o que era a empr...