Minerworld: Por enquanto, todo cuidado é pouco

A Minerworld tem cara de empresa de Marketing Multinível, tem discurso de empresa de multinível, mas tem muitas características de Esquema Ponzi. Ou seja, investigações que estão sendo feitas, mostram que ela segue o modus operandi das pirâmides.

A Minerworld é uma plataforma virtual que apresenta em seu site cerca de dez tipos de inversões – intercâmbio de bitcoins por moeda real, com supostas rentabilidades de até 40%.

A operação é suspeita de ser um esquema fraudulento e já está sendo investigada no Brasil e no Paraguai.

Conforme consta em diversas publicações na rede social, até o momento a empresa não conseguiu comprovar a mineração de um bloco sequer; bloco que deveria ter informação pública no Blockchain do Bitcoin.

A empresa está estabelecida no Brasil e na Ciudad del Este, no Paraguai.

Em maio deste ano, (2017), a empresa foi denunciada à Promotoria de Justiça de Ciudad del Este pela Comissão Nacional de Valores (CNV) do Paraguai, por suspeita de embuste e pirâmide financeira.

O site da empresa mostra o plano de negócios, cheios de informações genéricas sobre bitcoin e vago em relação aos seus outros negócios.

Não fornecem nenhum número de contato telefônico.

O número RUC, Registro Único do Contribuinte, fornecido no contrato de adesão não consta no site http://ruc.com.py/

Uma empresa legítima não tem nenhuma razão para se registrar em Cidade Del Leste e ter toda sua estrutura em Campo Grande MS).

A empresa promete pagamento de 100% de lucro em 12 meses com investimento de até $10.000 sem a necessidade de se fazer nada. Basta aplicar seu dinheiro e esperar pelo lucro. Importante, pode-se ter até dez contas em seu nome.

Prometem “gerar” 21 milhões de bitcoin, mas este é o montante total circulando no mundo e mais de 70% já foi minerado e tem dono.

Agora a moeda está indo para uma nova fase. O melhor jeito para se conseguir bitcoin agora é oferecendo um produto ou serviço.

O ganho direto com revenda de licenças do aplicativo bit-ofertas tem o valor de compra de $15 e revenda de $30 que é a forma de camuflar a inexistência de produto fora do negócio. Na verdade o “cliente” vai preferir entrar no negócio com um pacote partner de $30 e ter assim duas licenças.

Uma empresa de mineração jamais poderá oferecer mais de 5% de lucro em mineração com bitcoin.

Operam atraindo dinheiro do público em nome da empresa sem autorização para essa atividade, uma situação que leva à queixa-crime apresentada perante o Ministério Público como crime de intermediação financeira sem autorização ou licença.

Nosso portal está a disposição da empresa, caso desejem dar esclarecimentos elucidativos. No entanto tentamos realizar vários contatos sem retorno.

Deixe sua opinião

Veja Também

Como focar adequadamente sua ambição No lado esquerdo da Pirâmide do Sucesso, abaixo da fé , existem quatro peças adicionais de argamassa: ambição, adaptabilidade, engenhosidade e luta. E...
Faça um teste agora para começar a transformar sua história A BrainPower desenvolveu um teste, fundamentado nas mais avançadas técnicas de Neurociência para você começar a se conhecer melhor e tendo interesse, ...